Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.
Romanos 8:28

domingo, 13 de abril de 2014

PROCEDIMENTO DE ENFERMAGEM - LAVAGEM GÁSTRICA







OBJETIVO DA LAVAGEM GÁSTRICA

A retirada urgente de substância ingerida a fim de reduzir a absorção sistêmica;
Administrar medicamentos, como carvão ativado, em alguns casos de intoxicação exógena, e a solução salina gelada, como método de resfriamento em situações de hipertermia maligna;
Tratar uma obstrução ou um local de sangramento; Obter conteúdos gástricos para análise laboratorial.

INDICAÇÃO/CONTRAINDICAÇÃO

Indicação
 Tratamento das intoxicações exógenas; esvaziar o estômago em preparação para um exame endoscópico.
Contra-indicação 
Depois de ingestão de substância corrosiva.

PROFISSIONAL QUE EXECUTA O PROCEDIMENTO

Enfermeiro

RISCOS

Pneumonia aspirativa;
Laringoespasmo e lesões traumáticas da orofaringe, esôfago e/ou estômago

MATERIAL
-Sonda nasogástrica Levine de grosso calibre
-gel hidrossolúvel
-luvas de procedimento
-seringa de 20ml com bico
-estetoscópio
-micropore
-gaze
-máscara descartável
-SF 0,9% conforme, prescrição médica, equipo de soro sistema de drenagem gástrica.

TÉCNICA

-Higienizar as mãos e colocar máscara;
-Conferir prescrição médica e reunir o material;
--Orientar paciente e família sobre o procedimento;
--Isolar a cama com um biombo;
-Posicionar o paciente em decúbito lateral esquerdo elevado com cabeça fletida;
-Inspecionar a condição da cavidade oral do paciente  e o uso de próteses dentárias;
-Colocar toalha ou papel-toalha sobre tórax do paciente;
-Higienizar narina com SF 0,9% quando necessário;
- Medir a sonda a partir da narina, estendendo até o  lóbulo da orelha e descendo em diagonal até o apêndice xifóide, acrescentando a medida de dois dedos;
- Realizar a marcação do posicionamento ideal na sonda  com micropore;
- Lubrificar a sonda com gel hidrossolúvel;
- Introduzir a sonda na narina do paciente até sentir uma pequena resistência nesse ponto, peça ao paciente para fletir ligeiramente a cabeça;
-Quando possível, solicitar a colaboração do paciente,  pedindo para que faça movimentos de deglutição;
-Continuar introduzindo a sonda acompanhando os  movimentos de deglutição do paciente até o ponto pré- marcado;
- Realizar a fixação da sonda com micropore na narina do  Paciente;
- Injetar ar com uma seringa de 20ml e auscultar concomitantemente o epigástrico do paciente;
- Aspirar o conteúdo gástrico;
- Administrar volumes fracionados de SF 0,9% conforme prescrição médica, permitindo retorno, até que o líquido instilado retorne claro e não se observe resíduos;
- Drenar o volume infundido em sistema de drenagem;
- Aspirar o volume e/ou ordenhar a sonda, se necessário;
- Retirar a sonda e recolher o material;
- Higienizar as mãos;
- Deixar o paciente confortável;
- Realizar anotações de enfermagem pertinente à passagem da sonda, volume e aspecto do líquido

 drenado em prontuário.

Referências Bibliográficas:

MANUAL de procedimentos de enfermagem. São Paulo, 2005. Disponível em: 

http://www.corendf.org.br/portal/images/pdf/Manual%20de%20Procedimentos%20em%20Enfermagem.pdf