Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.
Romanos 8:28

sábado, 16 de novembro de 2013

Queimadura por eletricidade: Veja o que pode e o que não pode ser feito

Quando a corrente elétrica incide pelo corpo, causa lesões nos tecidos conforme a descarga vai ocorrendo. A vítima apresentará queimadura de contato no ponto de entrada e outra queimadura no ponto de saída. A primeira coisa a ser feita neste caso é cortar imediatamente a energia.


Em hipótese alguma a pessoa que está sendo eletrocutada pode ser tocada por outra pessoa quando a mesma ainda está em contato com a corrente elétrica. Porém se as pessoas próximas ao acidente não conseguirem cortar a energia elétrica, uma opção é desligar a com um cabo de madeira, já que a madeira é um isolante elétrico, ou seja, não conduz a eletricidade. 


Depois de afastar a pessoa da corrente elétrica, é importante que a mesma seja tocada com muito cuidado, e deve ser levada até o hospital caso ela apresente queimaduras e/ou outros problemas decorrentes da forte descarga elétrica. A pessoa pode apresentar sérios problemas internos devido às queimaduras que só poderão ser descobertas no hospital. 


Lembrando que para mover a vítima não pode ser utilizado nenhum utensílio úmido ou molhado (ex: toalhas), afinal a água é um condutor elétrico. 

Fonte: PORTAL EDUCAÇÃO - Cursos Online : Mais de 1000 cursos online com certificado 
http://www.portaleducacao.com.br/enfermagem/artigos/51559/queimadura-por-eletricidade-veja-o-que-pode-e-o-que-nao-pode-ser-feito?utm_source=ALLINMAIL&utm_medium=email&utm_content=61440088&utm_campaign=Top%2010%20-%20079%20-%20Enfermagem&utm_term=y.jm.lt92.yuw2bi.b.ecu.q.hd#ixzz2koSdtBcc