Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.
Romanos 8:28

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Bombeiros e Samu disputam ocorrências em São Paulo


Devido à falta de integração entre as centrais telefônicas do Corpo de Bombeiros e do Samu, ambulâncias de ambos os serviços constantemente dirigemse ao mesmo chamado e desperdiçam tempo e dinheiro público.
Segundo reportagem do jornal "Agora", 28 em cada 100 ambulâncias dos bombeiros voltam vazias para as suas bases por conta da comunicação falha.
Dependendo do tipo da ocorrência, um dos serviços deve ser acionado, mas nem sempre isso acontece. "Em uma ocorrência muito grave, ainda entram solicitações pelos dois telefones disponíveis.
Aí, os dois acabam sendo acionados", disse o capitão Marco Antônio Basso, chefe da seção de resgate do Corpo de Bombeiros. No ano passado, das 68.844 partidas feitas pelo Corpo dos Bombeiros, 19.866 não resultaram em resgates.
O convênio entre os serviços é considerado urgente pela prefeitura, não apenas para evitar o deslocamento duplo, mas para completar o quadro de motoristas do Samu.
O serviço hoje conta com 177 ambulâncias, mas apenas 120 delas estão diariamente nas ruas, por falta de mororistas qualificados. Com a integração dos serviços, os veículos poderiam ser dirigidos por bombeiros.


fonte: http://www.revistaemergencia.com.br/site/content/noticias/noticia_detalhe.php?id=AcjgJ9