Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.
Romanos 8:28

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Projeto Samuzinho contra trotes no atendimento a emergências


Alunos de escolas públicas e particulares tem oportunidade de conhecer como funciona o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – Samu 192 – que atende as urgências e emergências pelo telefone 192. O projeto Samuzinho que tem o objetivo de promover a educação permanente das crianças, alertando sobre os prejuízos provocados pelos trotes.
Levantamentos realizados pelo Samu 192, mostram que 62% das chamadas recebidas pelo serviço são de falsos pedidos, lembrando que o serviço é acionado por ligação gratuita, o que facilita os trotes já que as crianças podem usar telefones públicos.
Com o Samuzinho, equipes visitarão as escolas para informar os estudantes sobre a importância do atendimento, lembrando que enquanto uma equipe se desloca para um falso chamado, alguém com um problema grave fica sem atendimento e pode até morrer.
O trabalho é desenvolvido durante dois dias. Primeiro, os técnicos explicam o que é o Samu, em linguagem acessível à criança. A segunda etapa envolve o que os psicólogos chamam de trabalhar a fecundação da mentalidade da criança. O aluno recebe figuras em preto e branco – para destacar que são situações reais – de pessoas doentes, feridas, em ambulâncias. Com essas figuras a criança faz montagens, com base nas informações passadas durante a palestra. A última etapa compreende a visita a uma ambulância para conhecer os equipamentos usados na prestação de socorro.
Uma equipe do Samu foi treinada para levar o projeto às escolas. Médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem fizeram curso na Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências da Saúde – Fepecs – para atuar como treinadores. A visita é programada de acordo com a solicitação das escolas públicas ou particulares.
mais informações: http://www.saude.df.gov.br/003/00301009.asp?ttCD_CHAVE=52654